Domingo, 26 de Outubro de 2008

PSD tem novo site

 

O site do PSD foi remodelado.

Muito mais dinâmico e virado para os militantes.

Passem por lá.

tags: ,
publicado por jsdmarinhagrande às 18:07
link do post | comentar | favorito
Sábado, 25 de Outubro de 2008

Delegados ao XX Congresso da JSD

Foram hoje as eleições para delegados ao XX Congresso da JSD.

A Lista A foi sozinha a votos.

 

Foi eleita Margarida Balseiro Lopes como efectiva e Mónica Rosa como suplente.

publicado por jsdmarinhagrande às 23:42
link do post | comentar | favorito

IV Congresso dos ASD

 

Com a presença de Manuela Ferreira Leite, Presidente do PSD, realiza-se, no próximo sábado, 25 de Outubro, no auditório do Castelo de Santiago da Barra, em Viana do Castelo, o IV Congresso dos Autarcas Social-Democratas.

Em análise vai estar o aprofundamento de uma estratégia consistente para as próximas eleições autárquicas, tendo em vista o reforço da implantação do Partido no poder local.
Com esta iniciativa pretende-se ainda contribuir para a implementação de uma dinâmica de participação e de co-responsabilidade num projecto credível, que devolva aos portugueses a confiança e o optmismo.

O Congresso conta, entre outras, com as intervenções de Fernando Ruas (Presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses), Armando Vieira (Coordenador da ANAFRE), Castro Almeida (Coordenador Autárquico Nacional), Rui Rio (Presidente da Câmara Municipal do Porto), Miguel Albuquerque (Presidente da Câmara Municipal do Funchal), Berta Cabrita (Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada), Pedro Passos Coelho (Presidente da Assembleia Municipal de Vila Real) e Pedro Santana Lopes.

A abertura dos trabalhos está prevista para as quinze horas, com a projecção de um filme sobre o Poder Local, seguindo-se as intervenções do Presidente da Mesa do Congresso, Fernando Campos, do Presidente da Comissão Política Distrital, Eduardo Teixeira, e do  Presidente dos Autarcas Social-Democratas, Manuel Frexes.

O programa prossegue com comunicações de outros oradores, nomeadamente, Presidentes de Câmaras Municipais, Presidentes de Assembleias Municipais e Presidentes de Juntas de Freguesia.
 

In JSD

publicado por jsdmarinhagrande às 00:32
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 20 de Outubro de 2008

António Santos apresentado como candidato do PSD

No passado dia 3 de Outubro, no Plenário de Militantes do PSD, António Santos foi apresentado como candidato à Câmara Municipal em 2009.

Alto quadro das Finanças e conhecido marinhense, António Santos, com coragem e determinação, assume-se como uma séria e forte aposta do PSD nas eleições autárquicas do próximo ano.

Conta, desde a primeira hora, com a JSD para o ajudar a construir uma Marinha (em) Grande.

publicado por jsdmarinhagrande às 00:56
link do post | comentar | favorito
Sábado, 11 de Outubro de 2008

A última reunião da Assembleia Municipal, por Pedro André

Este é breve relatório sobre os trabalhos da Assembleia Municipal da Marinha Grande, que reuniu nos passados dias 30 de Setembro e 3 de Outubro, na freguesia da Moita, principalmente no que à bancada Social Democrata diz respeito.

 

A ordem de trabalhos era constituída por 4 pontos, a saber:
1º - 13ª Modificação Orçamental - 2ª Revisão aos Documentos Previsionais de 2008;
2º - I.M.I. - Fixação da taxa respeitante a liquidar no ano de 2009;
3º - Celebração de Acordo Intermunicipal para o Tarrafal;
4º - Actividade Camarária;

Para além destes pontos, como se tratou de uma Assembleia Ordinária, houve também Período antes da Ordem do Dia e Intervenção do Público, esta no final da Sessão.

Esta reunião, aparentemente pequena, deu para 2 sessões, devido à habitual troca de acusações entre PS e PCP que, devido à falta de capacidade para governar o Concelho e/ou apresentar propostas alternativas, se perdem em discussões que nada servem para o nosso desenvolvimento.
 
Da acção da nossa bancada, destaco a aprovação do I.M.I., que este ano baixou, conforme já por nós proposto o ano passado. Nessa altura, votámos sózinhos conta a manutenção da taxa praticada, a mesma de anos anteriores. Tratou-se de mais uma vitória nossa, infelizmente (e como sempre) não relatada na Comunicação Social. Para os que menos acompanham estes assuntos, o I.M.I. é um Imposto que recaí sobre o Valor Patrimonial dos Imóveis, valor esse que tem vindo a ser actualizado, após decadas sem alteração. Há exemplos de imóveis que passam de Valor Patrimonial € 3.000,00 para € 60.000,00, ou seja 20 vezes mais. Isto tem levado a um aumento da receita arrecadada pelo Municipio, pelo que já o ano passado defendemos que deveria baixar. Aliás, face à crise mundial que o mercado imobiliário atravessa, fazia mais sentido do que baixar agora. No entanto, realçamos este facto como positivo, pois vai desonerar as Familias Marinhenses.

Para além da discussão do I.M.I., destaco também as questões das Assembleias Extraordinárias que propusemos e mais uma vez defendemos e da aquisição dos terrenos da IVIMA pela BA.
A primeira destas duas questões refere-se aos temas SIMLIS, TUMG e Obras Particulares, assuntos que têm sido bandeira desta bancada desde o inicio do mandato e que nada têm evoluído, o que, devido à sua importância, levou a que solicitassemos a realização de Assembleias Extraordinária temáticas, para debater cada um deles. Como se passaram 3 meses e nada foi agendado, entregamos requerimento por escrito ao Presidente da Mesa para que proceda à sua marcação URGENTEMENTE.

A segunda questão prende-se com a aquisição dos terrenos e edificio da IVIMA por parte da Barbosa & Almeida.
Em finais de Julho, o Presidente da Câmara solicitou-nos um Parecer sobre a aprovação ou não da autorização solicitada pela BA para a construção de armazéns naquele local. A nossa posição (que fiz questão de ler na AM) foi enviada por escrito e é muito clara sobre o assunto. Dela realço que pensamos ser viável a aprovação solicitada mas com as condicionantes que indicámos. Caso contrário, SOMOS TOTALMENTE CONTRA a autorização. As condicionantes são:
- Recuperação do Palácio e oferta do mesmo ao Municipio;
- Todo o trânsito deverá ser efectuado pelas avenidas 1º de Maio e Engº Arala Pinto; de forma alguma deverá ser pela Rua Helder Luciano Roldão;
- Cedência de terrenos necessários à regularização do traçado desta Rua;
- Especial cuidado na selecção de materiais e design no alçado poente da construção, para não comprometer a estética do palácio;
- Garantia que o espaço não terá qualquer outro uso além do previsto e garantia que a CMMG terá direito de preferência em eventual alienação futura;
- Criação dum Parque TIR (ideia que defendemos desde 1997);
 
Esta posição deve-se à incapacidade que os sucessivos executivos camarários (PS e PCP) têm demonstrado na resolução deste problema e de outros idênticos, tais como a Angolana, a J. Ferreira Custódio, a Manuel Pereira Roldão, a J. Mortensen e outras unidades industriais que degradam a imagem da nossa cidade. Defendemos, naturalmente, a deslocalização das grandes empresas garrafeiras do centro Urbano. No entanto, como referi, o executivo tem de "andar à frente" e quando estas situações surgem ter já solução para elas. Assim, as decisões têm de ser tomadas face à realidade actual (longe da ideal) e, neste caso, achamos ser a nossa posição a mais equilibrada.

Mais assuntos houve, mas destacá-los-ei noutras ocasiões.

Pedro André
Deputado Municipal do PSD
publicado por jsdmarinhagrande às 19:08
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

A última reunião da Assembleia Municipal

A JSD/Marinha Grande pediu ao deputado municipal Pedro André que fizesse um resumo da última reunião da Assembleia Municipal. Para que os jovens marinhenses saibam o que foi debatido.

 

Agradecemos, desde já, ao Pedro o seu contributo e a disponibilidade demonstrada.

publicado por jsdmarinhagrande às 18:52
link do post | comentar | favorito

Sugestão cultural...

 

Já foram à Bienal de Artes Plásticas da Marinha Grande?

 

Se a resposta for negativa, apressem-se.
Esta é já a 7ª Edição e uma oportunidade única de contactarmos com magníficas obras de arte.
O óbice da exposição: ao lado das obras é apenas e tão-só referido o seu autor. Data de realização, materiais ou outras informações a respeito das obras… nada é dito. Lamentável, visto que os trabalhos são de grande qualidade artística.
Por fim, e se mais motivos não houvesse para dar um salto à Bienal, é feita uma merecida homenagem ao pintor Guilherme Correia.
 Têm até dia 19 de Outubro para visitarem o Parque de Exposições da nossa terra.

 

Margarida Balseiro Lopes

tags:
publicado por jsdmarinhagrande às 02:24
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 10 de Outubro de 2008

Pedro Rodrigues apresenta recandidatura

 

Pedro Rodrigues apresentou a sua recandidatura à liderança da JSD. O evento decorreu no café Op Art, em Lisboa.

O XX Congresso da JSD será em Penafiel, nos dias 28, 29 e 30 de Novembro.

Até ao momento, é a única candidatura.

publicado por jsdmarinhagrande às 00:41
link do post | comentar | favorito

Convocatória para Delegados ao XX Congresso da JSD

publicado por jsdmarinhagrande às 00:30
link do post | comentar | favorito

Artigo de Opinião

O artigo anterior é da responsabilidade de Manuel Teles, Presidente da Comissão Política do PSD da Marinha Grande.

 

Ao companheiro Manuel Teles agradecemos o texto e todo o apoio que tem dado à JSD.

publicado por jsdmarinhagrande às 00:26
link do post | comentar | favorito

Acreditar Sempre! ...

 

Na vida político-partidária, o difícil não é fazer política, é exercê-la de forma séria e eficaz. Não basta apenas defender um conjunto de princípios e convicções se de útil nada nos trouxer.
Vivemos num período difícil, onde paira a suspeição e a prática da corrupção é vulgar. Onde tudo e todos são postos em causa. É necessário dar a volta a este problema. Credibilizar a classe política.
Hoje o País e, mais necessariamente, a Marinha Grande precisa de gente qualitativamente formada e sensível a esta realidade. O PSD está de todo empenhado nessa tarefa, mas para tal precisa de mais conteúdo e elos fortes que permitam cimentar tal postura. É aqui que entra o papel principal da juventude. Quando já poucos acreditam, nós ainda acreditamos e por isso continuaremos a lutar, procurando demonstrar que ainda vale a pena e que o mais importante, para além da profissão de cada um, é fazer política na vida e não vida da política. Viver com ela e não viver dela. Hoje a JSD tem um papel primordial na transmissão dessa mensagem. É deles a esperança de que os valores nos quais acreditamos jamais morrerão. É deles a esperança na continuidade da credibilização da classe política. Sejamos sérios e credíveis.
Se os jovens acreditam, por que não todos nós? …
 
Manuel Teles
Presidente da CPS-PSD/Marinha Grande
tags:
publicado por jsdmarinhagrande às 00:22
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 7 de Outubro de 2008

Artigo de Opinião

O artigo anterior é da responsabilidade do Dr. João Pereira, Presidente da Mesa do Plenário de Secção do PSD/Marinha Grande. 

 

É a primeira vez que este blogue publica um texto de um militante social-democrata marinhense. Por isso, ao Dr. João Pereira agradecemos não só o seu texto, mas também o seu incentivo ao nosso trabalho.

publicado por jsdmarinhagrande às 21:57
link do post | comentar | favorito

Contradições dos nossos políticos

A experiência democrática do período posterior ao 25 de Abril, já nos permite aferir da bondade e seriedade de muitos políticos, comparando o que dizem quando estão na oposição com o que fazem quando chegam ao poder e especialmente quando se aproximam as eleições.

Na oposição dizem que está tudo mal, que o governo não presta, que a Câmara não tem competência, que há corrupção quase generalizada, que o ensino está uma lástima, que a justiça não funciona, que o poder não se preocupa com os pobres, que a nível local devia haver mais coerência etc. etc.. Prometem mundos e fundos e sabem como construir o paraíso na terra.

É certo que, muitos fazem estas promessas só porque têm a certeza que nunca chegarão ao poder, mas mostram que são demagogos e ainda conseguem enganar alguns tolos, que não têm capacidade de análise ou vivem nas nuvens.

Mas há outros que, enganando os eleitores com promessas, quando alcançam o poder, facilmente se esquecem do que prometeram e vai daí, ou se desculpam que encontram o país ou as Câmaras piores do que pensavam, ou invocam a falta de recursos financeiros e a crise internacional ou até nem dão qualquer desculpa. Serve-lhes estar no “poleiro” e tirar partido disso, arranjando “tachos” para os compadres e amigos, em tal número que, à custa deles, voltem a ganhar as próximas eleições.

Se a educação estava mal, continua pior. Acaba-se com os analfabetos, dando-lhe diplomas por decreto ou portaria.

Se a justiça não funcionava, criam-se uns tribunaisitos de meia tijela que não funcionam. Alteram-se umas leis para ficar tudo na mesma ou pior. Aumentam-se as custas judiciais para que seja tão dispendioso o recurso aos tribunais que as pessoas optem por, face aos custos, não recorram a eles e deixem de cobrar pequenas dívidas. Para que não haja divórcios, facilita-se a dissolução do casamento, tornando tudo isto mais fácil do que romper um contrato verbal de compra e venda.

A nível local, onde a preocupação principal devia ser a resolução dos problemas dos munícipes, vota-se agora sistematicamente contra tudo o que vem da maioria. Chamam-se incompetentes uns aos outros. Diz-se que há boicotes, que os funcionários não prestam, quando são os mesmos de quem se serviram enquanto estiveram no poder. Reprovam-se projectos de obras e loteamentos só porque os requerentes são primos em quarto grau ou amigos de algum vereador da maioria. Critica-se a demora de resposta a uma reclamação que foi feita há 8 meses mas que é igual a uma do seu tempo de poder que nunca teve resposta. Diz-se que o presidente não deve ter carro nem motorista porque isso é uma despesa inútil, mas que se justificava no seu tempo.

Não se tolera que um vereador que faz de fiel da balança, vote algumas vezes com a maioria o que também acontecia quando eram poder, o qual, com sentido de responsabilidade, compromete o seu voto com os superiores interesses do concelho e se alheia das tricas partidárias.

Com este procedimento é preferível que, a nível local, governe o concelho quem ganhar as eleições e os partidos se digladiem nas Assembleias Municipais e os cidadãos escolham claramente quem há-de governá-los em maioria.

O mais triste é que, ao fazerem o exame de consciência, todos considerem que isto não é com eles, porque já nasceram com razão.

É vê-los a subscrever artigos de opinião nos jornais, incluindo por cá!

 

Dr. João Pereira

Presidente da Mesa de Plenário do PSD/Marinha Grande

tags:
publicado por jsdmarinhagrande às 20:52
link do post | comentar | favorito

JSD reúne com deputados municipais

 

No passado dia 29 de Setembro (véspera da reunião da Assembleia Municipal), Margarida Lopes e João Francisco reuniram com os deputados municipais. Rui Verdingola, Pedro André e Pedro Silva debateram com a JSD alguns dos temas da ordem de trabalhos da reunião da AM, como a descida da taxa de IMI, mas também questões relacionadas com a Educação.

Ficou agendada uma próxima reunião para o mês de Novembro.

 

publicado por jsdmarinhagrande às 20:40
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

A nossa newsletter...

... está aí. Marinha em Grande é o nome do nosso boletim trimestral. 

 

E o que traz?

- As actividades que fizemos

- As actividades que vamos fazer

- Uma Rubrica de Opinião

- Fotos

 

Nesta edição tivemos a colaboração do Bruno Ferreira, Director Nacional de Informação da JSD.

 

Se ainda não recebeste, envia-nos um email para marinhagrande@jsd.pt.

publicado por jsdmarinhagrande às 23:03
link do post | comentar | favorito

O PSD... na blogosfera

Paulo Rangel, líder da bancada parlamentar do PSD, levou o debate sobre Educação para a blogosfera. 

 

Um blogue onde poderemos deixar os nossos contributos sobre o tema.

 

Estamos todos convidados a participar.

 

Uma excelente ideia!

publicado por jsdmarinhagrande às 20:22
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

Reunião da Assembleia Municipal da Marinha Grande

Terá terminado, há instantes, mais uma reunião da Assembleia Municipal da Marinha Grande. Pelas 21h, na Sede do Clube Desportivo Moitense, discutiu-se:

 

1º -13ª Modificação – 2ª Revisão aos Documentos Previsionais de 2008;

2º -O Imposto Municipal sobre Imóveis – Fixação da taxa respeitante ao ano de 2008 a liquidar no ano de 2009;

3º -A Celebração de Acordo de Cooperação Intermunicipal para o Tarrafal;

4º -Análise da actividade Camarária e informação financeira

publicado por jsdmarinhagrande às 03:30
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Encontro de Gerações - JS...

. Campanha de Combate à Abs...

. Plenário de Militantes - ...

. JSD Marinha Grande nos ór...

. JSD FOMENTA PARTICIPAÇÃO ...

. Proposta de Moção da JSD

. ASSEMBLEIA MUNICIPAL

. CANDIDATURA À PRESIDÊNCIA...

. UNIVERSIDADE EUROPA

. Plenário de Secção - part...

.arquivos

. Maio 2011

. Abril 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.links

.Visitas

Free Web Site Counter
Free Counter
blogs SAPO

.subscrever feeds

.Google Analytics